ESPORTE

Blog do Guto: JUSTIÇA AUTORIZA GOLEIRO BRUNO A SE TORNAR PROFESSOR E DAR AULAS DE FUTEBOL FORA DA CADEIA

Como professor, Bruno deve ganhar remição da pena de 22 anos e 3 meses.

622_d8b95a4f-ef4e-3da3-93b6-d5692ec1603e

Após a polêmica envolvendo sua volta ao futebol, o goleiro Bruno Fernandes de Souza, de 32 anos, deve voltar a ocupar o noticiário. Condenado pelo assassinato de Eliza Samudio, Bruno recebeu ontem (2) autorização da Justiça para ser professor de futebol de crianças e adolescentes em uma entidade de assistência social.

A decisão da 1ª Vara Criminal e de Execuções Penais de Varginha, onde o jogador cumpre pena, determina que ele será buscado no pátio do presídio para ser levado ao trabalho, sem contato com outras áreas externas ou pessoas de fora da entidade.

Como professor, Bruno deve ganhar remição da pena de 22 anos e 3 meses. O trabalho e o tempo de prisão a ser reduzido serão avaliados pela Justiça, de acordo com relatórios sobre frequência e disciplina que devem ser enviados pela ONG a cada três meses.

Bruno deve cumprir expediente no Núcleo de Capacitação para a Paz (Nucap), também em Varginha, que recebe cerca de 60 filhos de detentos e ex-detentos. O principal projeto da organização não governamental (ONG) é o “Mães que Cuidam”, que recebe filhos de mulheres presas e permite que eles convivam com as mães durante parte do dia e realizem atividades de inserção social em outro turno.

Publicação: Guttenbergg Pereira jornalista do Blog do Guto, 03 de agosto de 2017.

Categorias:ESPORTE

Deixe uma resposta